Itaqui conclui primeira etapa com sucesso
Curso de formação de professores e gestores escolares realizado pela Urcamp não tem evasão em seu primeiro dia e é finalizado com depoimentos positivos de expectativa
  Wednesday, 1 August, 2018

Não é surpresa que o Corede Fronteira Oeste tenha sido destaque na votação da Consulta Popular 2016/2017. O resultado do trabalho realizado foi visto pelos corredores do curso de Formação de Professores e Gestores Pedagógicos nesta segunda-feira, quando mais de 450 professores e diretores de escolas públicas municipais e estaduais participaram das atividades que deram início à jornada de trabalho, na cidade de Itaqui. A organização e realização de nove municípios está a cargo da Urcamp que, neste momento, representa, também, o Corede Campanha. O curso teeve sequência no dia 31, em Uruguaiana.

A abertura oficial do curso de formação de professores e gestores pedagógicos iniciou na cidade de Itaqui, onde há a maior concentração de inscritos dos nove municípios sob gestão da Urcamp. Os Itaquienses estão em primeiro lugar, com o dobro de participantes de São Gabriel, que está em segundo na lista. Esse esforço é frisado por presidente do Corede Fronteira Oeste, Hildebrando Santos, que traz o slogan ‘mais envolvimento, mais desenvolvimento’. “Somos o segundo Corede que mais vota no Rio Grande do Sul. É por isso que quando mais pessoas estiverem envolvidas, mais retorno teremos para a nossa região. A participação de todos é voluntária, feita através da comunidade, em assembleias transparentes”, resume. Quanto à Consulta Popular 2016/2017 que é responsável pela realização desse curso, ele diz “é preciso qualificar os nossos professores, pois estamos, da mesma forma, investindo em cidadãos melhores a partir de professores melhores”, conclui o presidente que atende os municípios de Alegrete, Barra do Quaraí, Itacurubi, Itaqui, Maçambara, Manoel Vieira, Quaraí, Rosário do Sul, Santa Margarida do Sul, Santana do Livramento, São Borja, São Gabriel e Uruguaiana.

A Coordenadora da 10ª Coordenadoria Regional de Educação, Sara Elizeth Duzac Cardoso, visitou as salas de aula e abordou a importância do curso. “Começa com o compromisso de Itaqui com sua expressiva votação na Consulta Popular e com o comprometimento das escolas com a educação, em trabalhar com essa distribuição de recurso e fazê-lo ser da educação. Afinal é um pedido, sempre, dos professores, que sejam feitos cursos de formação. Se tudo passar pela educação, tudo será vencido, até na questão da violência. Portanto a atitude dos cidadãos de Itaqui é referência”, expõe ao elogiar a Urcamp por estar realizando o curso: “foi muito interessante o Governo do Estado e a Secretaria Estadual de Educação terem feito essa parceria com as universidades comunitárias através do Comung; a universidade comunitária que há tantos anos serve para a formação dos nossos professores, ela toma um lugar importante como destaque na implementação dessa formação. Na palavra comunitária, tu já vê que é um ato de cidadania, que é o que a Urcamp está fazendo aqui. Precisamos valorizar a universidade porque precisamos trabalhar compartilhado, pois a federal tem o recurso federal, mas a comunitária vive com outros recursos que nós precisamos implementar para que ela também possa ser parceria”, conclui Sara ao dizer, “ser professor é um ato de amor”.

Para uma das alunas, que é professora de matemática, egressa da Urcamp, o curso surge como a busca incessante por conhecimento e troca de experiências. “Todo dia é dia de mudanças. Entramos em um lugar e saímos diferentes dele. E nesse curso, que está recém começando, já pude perceber esta troca mútua. É necessária que estejamos sempre em constante aperfeiçoamento”, comenta ao destacar o que mais lhe chamou a atenção no primeiro dia: “a dinâmica da aula, principalmente pela professora que está realizando um excelente trabalho, pois dialoga e nos instiga a pensar e expor o nosso pensamento. É um destaque frente a tantos que encontramos que estão preocupados em apenas fazer monólogos”, reflete ao mencionar a responsável por sua turma, Clotilde Calvete. Faviane Fagundes Bianchin é graduada em Matemática e atualmente leciona em dois colégios do interior, uma no município de Itaqui, para o Ensino Fundamental, Escola Osório Braga; e a outra em Maçambara, para o Fundamental e Médio, Escola Euclides Aranha, que é a única que possui médio municipalizado na região.

A turma de Gestores Escolares também foi um sucesso, trazendo a reflexão para quem está há anos no cargo de Direção e mais conhecimento para aqueles que estão enfrentando esse desafio agora. Suely Regina Santos de Godoy é um exemplo de quem fez uma autoanálise no primeiro dia de curso. Há 20 anos professoras, Suely completa, em 2018, dez anos como Diretora da escola Professora Odilla Villordo de Moraes. Para ela, a professora Jane Villaverde, que foi a responsável pela turma, instigou o espírito de verificar aquilo que é necessário ainda ser feito, e atitudes que podem ser retomadas. “Com toda certeza eu tive um up hoje. Inclusive falei aos meus colegas que para amanhã eu já tenho várias ideias”, conta a pedagoga. Outro relato importante é que a rede estadual não foi convocada a participar, apenas convidada, e ela, como diretora, viu o quão fundamental é aproveitar as possibilidades que surgem em cursos como estes de formação. “Ser professora é paixão e comprometimento. E se comprometer é, também, buscar evoluir e se aperfeiçoar a cada dia nas oportunidades que surgem. Tenho orgulho de dizer que não fomos convocados e aqui estamos. Dentre os professores da minha escola, 98% estão aqui, e estão justamente por compreenderem essa necessidade que devemos ter, todos, em nos comprometermos com os nossos alunos e com a educação como um todo”, pondera. Sobre a sua turma, de gestão, ela faz uma análise. “Eu preciso entender que eu sou uma mola precursora e que eu preciso estar e ser o exemplo dos meus professores. Eu não proponho uma atividade se eu não puder estar nela, pois entendo que onde eu precisar que eles estejam, eu devo estar também. Como uma aula no sábado; não marco se eu não for estar, também, na escola. E esse curso vem ao encontro disso tudo. Ele nos abre a mente para refletir sobre quais atitudes estamos tendo e as que precisamos retomar. É um choque de realidade”, conclui.

Já Jorge Henrique Carneiro de Almeida, professor há 11 anos, diz que durante três anos esteve no cargo de diretor e agora, há oito meses, vive a nova experiência, agora à frente da direção. Para ele, “é o que eu digo, a minha porta está sempre aberta para os meus professores, até por vivermos uma realidade onde pais e alunos nos procuram para falar aquilo que eles veem em sala de aula. E quanto ao curso, está sendo maravilhoso, principalmente pela função de ser gratuito, pela secretaria de educação ter apoiado, e pela sua estrutura, tendo incluso o método EaD, onde podemos nos organizar às nossas rotinas e, ainda assim, realizar as atividades dentro do nosso tempo”, explica o diretor da Escola Municipal de Ensino Fundamental Luiz Sanchotene, um colégio do interior de Itaqui.

Para as seis turmas de formação de professores e uma de formação de gestores escolares, os professores da Urcamp se deslocaram de seus campi, saindo das cidades de Bagé, Alegrete e São Borja. O relato final das docentes foi unânime “estamos encantadas com o que pudemos presenciar aqui. Não tivemos evasão no segundo período, pelo contrário, as turmas continuaram lotadas, com envolvimento e participação conjunta de todos. Com toda certeza será um curso positivo em todos os sentidos”. As responsáveis pelas primeiras aulas são as professoras Clarisse Ismério, Clotilde Calvete, Ângela Carreta, Jane Vilaverde, Eveline Guerra, Regina Broglio e Dilossane Vargas.

Cronograma do curso
31 de julho e 1º de agosto, das 18h30 às 22h30min – Uruguaiana
04 de agosto, das 8h às 17h30min – Alegrete
04 de agosto, das 8h às 17h30min – Bagé
04 de agosto, das 8h às 17h30min – Lavras do Sul
06 de agosto, das 8h às 17h30min – São Gabriel
08 de agosto, das 8h às 17h30min – Hulha Negra
09 e 10 de agosto, das 8h às 17h30min – Itacurubi
11 de agosto, das 8h às 17h30min - Candiota

Comente esta notícia Jessica Pacheco - Assessora de imprensa Urcamp

clique aqui para imprimir