Três pessoas presas em flagrante no fim de semana

  Tuesday, 10 April, 2018

Os últimos dias, em Uruguaiana registraram um número significativo de acidentes de trânsito. A grande maioria deles envolve motociclistas e ocorre no cruzamento de vias movimentadas.

Uma pessoa, que estava na garupa de uma motocicleta Honda CG 125, ficou ferida depois que o condutor perdeu o controle do veículo resultando na queda de ambos. O acidente ocorreu na Rodovia BR-472, nas proximidades da Barragem Sanchuri.

Na esquina com a rua General Câmara, um veículo Renault Clio que trafegava pela General Hipólito cortou a frente de uma motocicleta. O motociclista sofreu escoriações nos braços, joelhos e pernas e sofreu uma lesão no pulso. Ele foi socorrido pelo motorista do veículo.

Na Rua Flores da Cunha, proximidades da escola Dom Hermeto, um ciclista foi atingido por uma motocicleta. Ela disse à polícia que não se lembra do momento do acidente. Já o condutor da moto, bem como sua carona, que também ficou ferida no acidente, contam que o ciclista não observou o trânsito e atravessou a via, e que o motociclista ao lhe ver já não conseguiu frear. O ciclista teve vários ferimentos, mas passa bem.

Na Avenida Santos Dumont, um motocicleta sofreu uma fratura na perna, além de uma queimadura e várias escoriações, depois de se chocar contra um carro. Ele contou à polícia que trafegava pela via quando teve a frente cortada por um veículo que ia entrar em uma empresa, nas proximidades da escola Dom Bosco. O motorista do carro alegou que não viu a motocicleta e fez uma conversão para entrar em sua empresa, quando ouviu o barulho de uma freada e sentiu o impacto. Ele não ficou ferido.

Na Avenida Presidente Vargas, duas pessoas que trafegavam em uma motocicleta ficaram feridas depois que uma caminhoneta Ford Ranger, vindo pela Rua Benjamin Constant, cortou a frente da moto. O motorista do carro disse não ter visto a motocicleta.

Na esquina das ruas Flores da Cunha e 14 de Julho, o acidente envolveu duas motocicletas. Um dos motociclistas contou que trafegava pela Flores e que, no cruzamento com a 14 de julho, o outro não respeitou a sinalização de parada e avançou, causando o acidente. Já o outro condutor disse não ter visto a motocicleta que trafegava pela Flores. Os dois ficaram feridos.

Comente esta notícia Gabriela Barcellos/Jornal Cidade

clique aqui para imprimir